Ir para o conteúdo
Estimados clientes. Encontramos-nos encerrados de 25 de novembro a 6 de dezembro. Qualquer assunto só será tratado após esta data. Gratos pela compreensão.

Novidades Artes/ História da Arte

Tavares, Salette. Poesia gráfica. Lisboa: Casa Fernando Pessoa, 1995.

40 € Adicionar
Acresce o valor do transporte pelos CTT (de acordo com as tabelas em vigor para o correio registado ou não registado). Enviar email para informação de envio por correio.

47 pp.; Ilustrações; 29 cm

Salette Tavares, Lourenço Marques, 1922 – Lisboa, 1994

Licenciou-se em Ciências Histórico-Filosóficas na Universidade de Lisboa (1948), prosseguindo posteriormente estudos nas áreas da estética, linguagem e teoria da arte em França e Itália, com uma bolsa da Fundação Calouste Gulbenkian. Paralelamente dedicou-se à poesia, publicando o seu primeiro livro em 1957, Espelho Cego. A sua formação académica e a prática poética vão interligar-se na pesquisa e teorização sobre a poesia visual, que se manifesta, deste modo, em dois campos, o do texto e o da forma. Em 1964, publica Caderno de Poesia Experimental. Desenvolve o jogo e subversão das regras da sintaxe, que gera novas palavras a partir de outras palavras ou da sua fragmentação. A expressão visual destes trabalhos é, para a artista, fundamental para a sua concretização no plano estético, na medida que considera que a comunicação estética é sempre feita através da perceção. O seu trabalho é, por isso, ancorado num posicionamento teórico ligado à psicologia das formas, evidenciado também nas aulas de Estética que leciona na Sociedade Nacional de Belas-Artes e nos artigos que publica da revista Brotéria. A sua obra foi divulgada em várias publicações editadas ainda em vida da autora ou postumamente. Em 1979 a Galeria Quadrum organizou uma retrospetiva da sua poesia visual.

Lurdes Oliveira in: http://www.museuartecontemporanea.gov.pt

 

 


Scroll to Top