Ir para o conteúdo

//Novidades// Poesia Portuguesa

Herberto Helder, Poesia toda, Assírio e Alvim, Lisboa, 1981

140 € Adicionar
Acresce o valor do transporte pelos CTT (de acordo com as tabelas em vigor para o correio registado ou não registado). Enviar email para informação de envio por correio.

Exemplar em perfeito estado de conservação.

Herberto Helder, 1930-2015

Mítico poeta da modernidade portuguesa contemporânea, não só pela intensidade particular da sua obra (quer considerada em conjunto, quer na simples leitura de um único dos seus versos), mas também pelo seu estilo de vida discreto e avesso a todas as manifestações da instituição literária. 

Desde O Amor em Visita, 1958, até mais recentemente, em Do Mundo, 1994, passando por Electronicolírica, 1964, e por Última Ciência, 1988, a sua poesia atravessa várias correntes literárias, manifestando uma escrita muito singular e trabalhada, sendo exemplo de um conseguimento sem falhas, sem debilidades nem concessões.

In: Instituto Camões


Scroll to Top